Facebook Ads ou Google AdWords qual é o melhor? - Rodrigo Brando
Marketplace: Conceito, Vantagens e Desvantagens
6 de maio de 2016
Loja virtual
Loja virtual da lucro? Números do e-commerce este ano
12 de maio de 2016
Mostrar todos

Facebook Ads ou Google AdWords qual é o melhor?

Facebook Ads ou Google AdWords

Qual é a melhor forma para anunciar, Facebook Ads ou Google AdWords? Essas duas formas são interessantes, passar pelo Facebook significa ver muitos anúncios, ou seja, postagens que são pagas. Ao pesquisar todos os temas no Google, também: aparecem os anúncios, que ocupam as primeiras áreas nos resultados.

 Os pagamentos das duas plataformas

 Considerando o pagamento, o Facebok Ads e o Google AdWords são boas plataformas. Ambas aceitam boleto, que é uma maneira muito necessária de quitar a anúncios. Além do boleto, os anunciantes podem pagar com cartão e paypal, no caso do Facebook Ads.

As duas plataformas cobram os anunciantes por duas perspectivas: pela quantidade de acessos, ou seja, de cliques, na modalidade CPC, e também por impressões, na cobrança CPM. Assim, na questão de cobrança e de pagamento, não se pode afirmar que exista um melhor.

Alcance: aqui, existem diferenças.

Ao analisar o alcance do Facebok Ads ou Google AdWords, notam-se diferenças. Antes, uma semelhança: os anúncios nas duas plataformas estão restritos, de alguma forma. O Facebook Ads limita-se às linhas do tempo e o Google AdWords, à pesquisa.

Agora, as diferenças. O Facebook Ads é uma forma de Marketing que “ataca”, que busca os internautas. Eles não necessitam ter ação alguma para visualizar um anúncio do Facebook Ads: basta estar dentro do Facebook. O Google AdWords, mesmo sendo bom como o Ads, é “parado            “: ele não “caminha” até o Internauta, ele “fica esperando” que a pesquisa com as palavras-chave exatas seja feita para aparecer.

Há diferenças expressivas também ao analisar o layout dos anúncios mostrados por intermédio do Facebook Ads e do Google AdWords. No Facebook, os anúncios têm uma cara muito agradável: há um texto (ou não), uma boa imagem e, frequentemente, vídeos. Quem conhece Marketing sabe que essa roupagem é atraente.

O Google AdWords é mais “limpo”: é apenas o anúncio, com o site. Também funciona, mas tem um estilo prático. A roupagem não é, realmente, tão atraente quanto a do Facebook Ads, mas existe funcionalidade. Agora, parte-se ao ponto que diz, efetivamente, quem é o melhor.

Apenas o objetivo da empresa podem decidir

As duas plataformas têm razões diferentes para serem usadas. A companhia que precisa estar perto dos consumidores, que não é tão forte ainda no mercado e que deseja ter laços com os clientes pode optar pelo Facebook Ads. Com ele, a impressão dos internautas é que a empresa é uma amiga e está postando algo: há proximidade.

Com o Google AdWords, as companhias conseguem mais vendas. Por quê? Simples: porque os indivíduos pesquisam, por exemplo, “bolsa azul”. Entende-se que há vontade de comprar bolsas azuis e, havendo um comércio que as vendas naquela hora, a probabilidade de transação é mais elevada.

Importante: as companhias, ao longo da sua atividade, mudam os seus objetivos. Desse modo, as duas plataformas podem ser usadas e, com sucesso, em diferentes momentos do trabalho e impulsionarem a companhia igualmente.

Rodrigo Brando
Rodrigo Brando
Empreendedor digital, com 35 anos, nascido em Pederneiras, interior de São Paulo, que há algum tempo encontrou na web o refúgio para cultivar suas idéias.