Nova atualização Mobile First Index fique por dentro - Rodrigo Brando
Black Friday
A Black Friday está chegando: você está preparado para a melhor época de promoções do ano?
14 de novembro de 2017
Desenvolvimento Mobile: por onde começar?
14 de dezembro de 2017
Mostrar todos

Nova atualização Mobile First Index fique por dentro

Não é novidade alguma que o mobile se fortaleceu como tendência, até porque, a maioria esmagadora dos acessos aos sites hoje em dia, tem origem nos dispositivos móveis, como os smartphones, por exemplo.

E quando falamos sobre melhor rankeamento de sites, o mobile tem ganhado destaque, como fator extremamente relevante neste sentido.

Com a nova atualização Mobile First Index, de relevante, este fator se tornará ESSENCIAL. Isto pelo fato de que a indexação do Google ocorrerá baseada na versão mobile do seu site.

Quer saber mais sobre o assunto e ver como se preparar para este novo cenário que já está impactando o marketing digital? Então me acompanhe a seguir.

Mobile First Index: o que muda?

Tempos atrás, quando se tratava de indexação, ela estava atrelada ao desktop. Em busca de informações, os boots da empresa Google, investigavam minuciosamente cada site.

É assim que por meio de pesquisas via Google, determinado site surge no resultado das buscas, colocando a página de determinado domínio, como a resposta ao termo digitado.

No entanto, com a mudança, agora a indexação atuará exclusivamente na versão mobile.

O resultado desta mudança já está sendo sentido. Usuários que percebem o Analytics caindo ladeira abaixo, muito provavelmente não possuem um site otimizado para a estrutura mobile, por exemplo.

Por isso, não é preciso ser um gênio para sacar que quem já atua com a versão mobile e otimizada de um site, está em vantagem perante aos concorrentes que negligenciam este fato.

Dentro desta reflexão, cabe aqui ressaltarmos que ao tomar esta atitude, a empresa Google nos transmite uma mensagem óbvia, mas que muitos insistem em ignorar: hoje o mobile é mais importante que o desktop.

E agora, o que eu faço?

Se pensarmos que não é comum que o Google faça mudanças bruscas, e que de acordo com fontes da própria empresa, o Mobile Firts Index está em período gradual e de testes, sabemos que se desesperar é bobagem.

Mas é preciso se mover e se atualizar, caso você não tenha uma versão mobile-friendly do site.

Apostar em conteúdo mobile nunca foi tão necessário, e se você ignorar este fato, certamente inexistirá para o Google.

Se você quer ficar por dentro da mudança e inclusive ser avisado pelo poderoso Google, deverá utilizar desde agora o Google Search Console.

Webmasters e SEOs, mundo afora, devem ficar atentos sobre notícias e materiais educativos que devem estar para sair na rede mundial de computadores, para assim, otimizar seus resultados.

E você, gostou desta mudança? Está preparado para esta nova realidade?

Rodrigo Brando
Rodrigo Brando

Empreendedor digital, com 35 anos, nascido em Pederneiras, interior de São Paulo, que há algum tempo encontrou na web o refúgio para cultivar suas idéias.